terça-feira, 20 de maio de 2014

FAMOSO QUEM? >> Clara Braga

Eu tenho um vício, amo assistir premiações! Não interessa se é brasileira ou não, se é de cinema ou se é de música, se tem alguém de quem eu gosto concorrendo, se é reprise ou ao vivo, não interessa, eu gosto mesmo é de assistir. Não esperem que eu explique, aliás, nunca esperem que alguém explique um vício. Essas coisas são assim, quando a gente percebe já está assistindo a terceira reprise como se fosse ao vivo e torcendo na esperança de que algo mude, mesmo sabendo que não vai mudar.

Sim, esse meu vício é antigo, mas confesso que algumas coisas mudaram. Antes eu mal sabia o nome dos atores que estavam concorrendo ao Oscar e não assistia nem metade dos filmes mais falados. Mas se me perguntassem quem estava concorrendo na categoria de melhor cantor do MTV Music Award, eu não só te dava a lista completa como explicava o porquê da probabilidade de fulaninho ganhar e fulaninho perder.

Hoje em dia participo de tudo quanto é bolão do Oscar e tenho me saído muito bem, mas assistindo ao Billboard Award essa semana percebi que não conheço mais ninguém da música estrangeira! Claro, conheço o Justin Timberlake, porque torcia contra o *NSYNC nas premiações antigas, mas devo admitir que ele melhorou muuuuuuito! Conheço também a Hanna Montana, que finge que não é a Hanna Montana, mas só por causa das loucuras dela mesmo; se me pedir pra cantar uma música, eu tô enrolada. Enfim, de resto, sempre que anunciavam a mais nova sensação da música que estaria ali fazendo uma apresentação ao vivo, eu me perguntava: Quem?

Mas é nessas horas de ignorância que a gente percebe que o vício é sério. Mesmo sem saber de quem se tratava, quando esses famosos desconhecidos ganhavam o prêmio, eu ficava emocionada com o discurso deles! Ah gente, vai dizer que discursos de premiações não são emocionantes? Claro, como tudo na vida, tem suas exceções.

Bom, o que importa é que lá pelas tantas vem a tecnologia e me salva da minha leve ignorância. Apresentação em holograma do Michael Jackson. Pode parecer besteira, mas se trouxessem para o Brasil um show inteiro dele em holograma, acho que eu iria e ainda curtiria como se ele estivesse ali de fato. Mas tenho que admitir, melhor que o holograma do Michael Jackson, só o holograma do Rick Martin… de onde desenterraram aquele homem?


Partilhar

Nenhum comentário: