domingo, 8 de março de 2009

À MULHER EM MIM >> Eduardo Loureiro Jr.

Ju Chang / FlickR.com
Tu, que nasceste comigo — neste tempo e no sem-tempo.

Tu, de quem fui separado por nossa vontade, que se fez minha e tua vontade, nem sempre coincidentes.

Tu, que busco desde então por todos os caminhos, muitas vezes ignorante de que só poderei encontrar-te n'O caminho.

Tu, que tens sido a minha luz quando sou sombra e a minha sombra quando sou luz.

Tu, que te escondes e te revelas em todas que encontro.

Tu, que, minha avó, pariste minha mãe. Tu, que, minha mãe, pariste aquele que muitas vezes penso que apenas sou eu.

Tu, que, tia e tia e tias, encarnaste para mim as musas de todas as artes: oratória, literatura, música, pintura...

Tu, que, minha irmã e irmã, ensinaste-me que não ser o único querido é ser mais querido ainda.

Tu, que, cada amada que amei, me encheste os olhos de encantamento; o peito, de ritmo; a mente, de versos.

Tu, que, Vênus, vieste tão próxima ao meu Sol, vestida de Júpiter, com ares e voares de Deusa e Mulher Maravilha.

Tu, que, minha sobrinha sem ser minha sobrinha, minha filha sem ser minha filha, fazes meus olhos rolarem lágrimas que eu penso — erradamente — que nem são minhas.

Tu, que, leitora, me entrelinhas em aconchego.

Tu, que revela-te em mim mesmo, e fazes com que me digam "você tem olhos de moça", "você escreve como mulher".

Tu, que atrai os homens que me acham bonito, e que ama meus amigos mais do que os amo eu mesmo.

Tu, que ri de mim quando penso que o maior é Pessoa, e me prostra com versos de Cecília: "Não me encontro com ninguém / (tenho fases, como a lua...)"

Tu, que me desesperas de esperas e me esperas com esperança.

Tu, natureza divina, que aqui a gente chama — simplesmente — de mulher.

Tu, que és o Dia, sabes que está escrito: Quando não houver mais dias, seremos renovadamente Um.





Partilhar

10 comentários:

Anônimo disse...

IUHU, Edu!
Que beleza, que espetáculo! Realmente, as mulheres em vc são super inspiradoras... Agradeço por compartilhá-las!
Boa jornada! Mande notícias do mundo de lá.
Bjim, Adriana

cArLa disse...

Que belo prsente nos deu nesse dia das mulheres!

Eduardo Loureiro Jr. disse...

Grato, Dri e cArLa, por fazerem parte de meu mundo de carne e bytes. Que vocês sejam sempre presenteadas com beleza. :)

Tia Monca disse...

Que beleza!
Brigadim!
Tia Monca

Wolf_Angel disse...

obrigada pelo cometário, seu espaço é belo.

esses desdobramentos todos de um mesmo eu....
menina alice, que vai buscando seus pedaços no país das maravilhas...

sopros...

Eduardo Loureiro Jr. disse...

De nada, Tia. A gratidão é mútua. :)

Laís, gostei demais da analogia com Alice. Volte mais vezes com seu sopro. :)

Carla Dias disse...

Gosto muito quando você pega o mundo, todos, tudo e coloca no mesmo lugar. Nesse UM lugar onde todos somos.

Eduardo Loureiro Jr. disse...

Carla, ainda bem que você gosta porque você MUITO faz parte do meu UM. :)

Taty disse...

Eh doce morrer no mar... nos braços de yemanjá. Parabéns eu adorei.

Tatyana

Eduardo Loureiro Jr. disse...

Grato pela doçura, Taty. :)