Pular para o conteúdo principal

NÃO CULPE OS SIGNOS >> Mariana Scherma

Imagem: Vanity Fair

Geminianos são duas caras. Leoninos se acham. Piscianos são chorões. Aquarianos são esquisitos. Sagitarianos são bagunceiros. Arianos são briguentos. Taurinos são comilões. Virginianos são organizados. Capricornianos são mão de vaca. Librianos, indecisos. Os escorpianos só pensam em vingança. Cancerianos fazem drama para tudo. Ou não. Nem sempre tudo é culpa do signo.

Por muito tempo eu fui condicionada a pensar nas pessoas e nos signos antes de qualquer coisa. Quase um preconceito, sabe? Na minha primeira entrevista de emprego, me questionaram qual era meu signo. Fiquei pensando que eu poderia ter dito alguma coisa errada só por falar “Sagitário”. Acabei sendo admitida e, depois disso, os signos entraram na minha vida. Nossa, tinha que ser de Leão mesmo. É porque ela é de Libra. Deus me Livre aquarianos. Essas foram frases que saiam da minha boca e de pessoas ao meu redor. Mas a real é que eu nunca fiquei muito confortável com elas. Pra mim, dizer que alguém é revoltado porque é de Aquário faz tanto sentido quanto dizer que alguém não sabe nada da vida porque ainda não chegou aos 30 anos. Preconceito em um nível não tão grave, mais ainda preconceito.

Veja bem, sou uma sagitariana organizada, focada e, ok, que ama esportes. Minha mãe, a libriana mais decidida que o mais pragmático dos capricornianos. E falando neles: meu pai, um capricorniano mão aberta que vive levando bronca da minha mãe por gastar demais. Não fazemos muito sentido no mundo da astrologia. Tenho uma amiga de Peixes que parece uma flor sensível e frágil, mas mexe com ela pra você ver a fúria que ela tem (beijo, Pérola). Eu nunca estudei astrologia a fundo, eu sei meio que de ouvir falar mesmo e conversar com as astrólogas do meu ex-trabalho, mas acho covardia você esconder seus defeitos no tapete do signo ou julgar uma escorpiana porque ela é vingativa. 

Quem é que nunca pensou em dar o troco para aquele sujeito(a) que aprontou poucas e boas pra você? Eu já, mas despois acabo esquecendo. Se alguém foi até o fim na vingança, é só uma questão de mágoa. Faz parte. Eu só acho mesmo que a gente tem que parar de julgar os arianos (“ah, eles são briguentos”), os escorpianos e os capricornianos. Ninguém é perfeito aqui. E, dependendo da sua Lua e do seu Ascendente, você pode acabar cuspindo no prato que comeu. Olha eu “não acredito muito em signos, mas...”.

Comentários

Albir disse…
Talvez porque eu seja analfabeto no assunto, não costumo me preocupar muito com isso. Não sei nem de que rótulos devo me defender. Mas noto que algumas pessoas sofrem ao revelar o seu signo. Como se o tempo todo precisassem explicar "olha, eu sou do signo tal, mas não faço assim não!" Acaba sendo mais um peso a se carregar.