terça-feira, 12 de julho de 2016

QUE HORAS? QUE DIA? >> Clara Braga

Quer fazer mestrado? Só se dedicar um pouquinho todo dia, escrever um bom projeto e se preparar bem pra prova que dá tudo certo!

Tocar melhor? Nada que umas horinhas por dia na frente da bateria não resolvam! Já sabe o que estudar, agora é só investir pesado!

É professora? Realmente, o momento em sala de aula é só parte do trabalho, mas nada que umas horinhas por dia na frente do computador não resolvam. Prepara aula, preenche diário, lança nota, prepara material para reunião de pais e mestres! Ufa!

Está trabalhando com fotografia, né? Ah, que ótimo! Nada como um tempinho todo dia para fazer aquelas vídeoaulas, aprimorar a técnica, descobrir um novo público alvo e sair para a batalha!

Escreve crônicas? Que interessante! Deve ler muito não é mesmo, afinal, de onde arruma tanta inspiração? Mas nada que umas horinhas do dia lendo e outras escrevendo para praticar não resolvam!

Tudo na vida é questão de dedicação! Mas a dedicação tem que ser diária!

Nesses momentos eu me pergunto, quantas horas tem o dia dessas pessoas, pelo amor de deus?!


Partilhar

2 comentários:

Eduardo Loureiro Jr. disse...

É, Clara...
E ainda tem que dormir, comer, conviver com as pessoas, fazer exercícios físicos... :)

André Luiz Ferrer Domenciano disse...

A eterna guerra entre o Tempo Cronológico e o Tempo Psicológico. Sessenta minutos podem ser uma eternidade, mas também um segundo dependendo do nosso esquema mental. Hoje, eu reservei alguns minutos para ler as crônicas dos colegas. Boa semana Clara!