Pular para o conteúdo principal

silêncio! >>> branco



silêncio!

façam silêncio!
não acordem as crianças que sonham
não atrapalhem as senhoras
que com seus rosários pedem intercessão
justo é o meu pedido
respeitem a alegre lágrima
que desce pela face da noiva

façam silêncio!
por todas as pessoas que estão sorrindo
 que os amantes possam sentir o vento do outono
e se aqueçam em um abraço à espera do inverno
meu pedido é este
permitam que olhos atentos fiquem maravilhados
com o brilho do sol refletido no orvalho das folhas

façam silêncio!
mesmo que as flores sejam podadas e os disparos comecem
não interrompam a serena vigília de paz daqueles que não tem espaço
para discursos vazios e ideologias assassinas
justo é o futuro
talvez nunca nos redescobriremos como irmãos
mas na eternidade retumbarão os ecos de nossas tentativas






fotografia : web
arte : paint







Comentários

Anônimo disse…
Sim, silêncio.O mundo precisa q seus habitantes se redescubram como irmãos o mais urgente possível. Linda e atual.
Carlos Eduardo disse…
Uma preciosidade impar. A interseção entre Whitman e Lennon sem que o estilo, as minucias e achados de seu estilo se perca. Me faz refletir sobre o caminhos que estamos seguindo e se é tempo de repensar e recomeçar. Bravo!
Maria Saletti Bizarria disse…
Bom dia meu dileto amigo Poeta.
Sim, precisamos silenciar para ouvir a Voz de Deus e não cairmos nas tentações que muitos estão oferecendo....
Agradecida pela linda mensagem
Unknown disse…
Que riqueza de palavras, fácil de ler
Msravilhosoooo, amei.
Cristiana Moura disse…
Quero que o mundo volte ao volume mais baixos destes tempos de quarentena. Vou aqui, tentando encontrar espaços de silêncio dentro de mim!
Márcio disse…
Nestes tempos de guerra velada, um sopro de sensibilidade e bom senso. Como alguém disse acima, palavras simples, fácil de entender. Por isso te chamo de Mago.
heberdfr@hotmail.com disse…
Meu amigo, é uma satisfação tê-lo como amigo. Meu poetinha preferido, eu te amo cara. Um abraço e um dia maravilhoso. Fique com Deus.
Alessandra Calil disse…
O silêncio para refletir sobre esse momento difícil de nossas vidas.
Disse tudo amigo...
Um abraço
Rodrigo disse…
Sensacional.
Anônimo disse…
Amo seu jeito de escrever, diz tudo de um jeito que parece tão fácil. Cada dia mais fã sua.
Claudio disse…
Que coisa linda. Sensível, profunda e de uma simplicidade absoluta; e aqui uso o termo simplicidade no seu sentido mais pleno, você maneja tão bem o essencial que as arestas sutilmente deixam de existir. Inspiração total.
Walter Rodrigues disse…
Sensacional! Falou tudo o que eu queria ter dito.
Anônimo disse…
Ha muita vida no silêncio. Prestar atenção à vida no silêncio é como ver o céu estrelado de um lugar mais escuro.
Anônimo disse…
Obrigado por compartilhar.
Olavo Arantes disse…
Lindo! Atual, digno de reflexão! Este merece um lugar especial! Parabéns!
Anônimo disse…
Cara com um silêncio lindo deste eu faria é muito barulho.
Adorei.
Verinha disse…
Magnífico!!!Acompanho suas publicações e cada dia você se supera. Parabéns!
Alexandre Silva disse…
Silêncio! bela obra e reflete momentos... os quais se observe, o que esta ao redor e diz tanto... temos que sentir e observar, para perceber o que quer dizer.
Anônimo disse…
Sensacional!!! Como sempre...
Parabéns e gratidão por tão belas palavras e reflexões!
Anônimo disse…
Bravo!
Márcia disse…
Olá amigo.
Faça silêncio em seu coração, faça silêncio em sua mente, faça silêncio em sua alma.
Que lindo, tanto carinho em suas escritas .
Obrigada.
Albir disse…
Silêncio! Que só o poema tenha voz!
Daniela Lara disse…
Silêncio é sinal de maturidade de quem sabe quando se abster para que o bem se manifeste.
Zoraya Cesar disse…
O que dizer? Apenas recomendar que façam como eu: leiam uma, duas, três vezes que, como mágica, o silêncio vai se aprofundando e revelando mistérios insondáveis. Por favor, leiam em silêncio.

(mais uma pra coleção dos memoráveis)
Carla Dias disse…
Ah, Branco, esses pedidos para que se perceba o que já percebemos e que se alcance a beleza do justo que já alcançamos. Eu realmente gostei dessa lista de pedidos tão necessária, em tempos tão complexos. Afinal, os pedidos de outros são como pedidos para repensarmos nós mesmos. Não precisamos atender a todos, mas é bom quando nos identificamos com alguns e podemos colaboração para atendê-los.