NESSA EU NÃO CAÍ >> Clara Braga

Acreditar em boatos ou lendas urbanas faz parte da vida. Eu sempre fui mais de acreditar nas coisas do que de duvidar delas.

Já achei que pasta de dente era boa para queimadura.

Fiquei um tanto intrigada quando soube que um raio cai sim duas vezes no mesmo lugar, até porque, parando para pensar bem, por que não cairia?

Achei estranho, mas acreditei na grávida de Taubaté.

Achei que o Bolsonaro nas eleições de 2018 era apenas uma piada.

Já fui da turma que achou que a Courtney Love tinha matado o Kurt Coubain e a Yoko Ono tinha acabado com os Beatles, até entender a complexidade de tudo que está por trás disso.

Eu realmente achava que dava para ver a muralha da China do espaço.

Já engoli chiclete e fiquei super preocupada, pois acreditei quando me disseram que nosso organismo não digeria chiclete, e agora ia ficar com aquele grude dentro do meu corpo.

Já tive receio de comer manga com leite e, por via das dúvidas, melhor não se aventurar no mentos com coca-cola.

Tenho medo de mariposas até hoje, afinal, ouvi mais de uma vez que elas podem nos cegar.

Mesmo sem acreditar, é melhor não deixar o chinelo virado de cabeça para baixo, não é mesmo?

Agora, eu nunca, em nenhum micro segundo da minha vida, cheguei nem perto de pensar em acreditar que o Mc Picanha era mesmo feito de picanha.

Comentários

Nego disse…
Eu também
Zoraya Cesar disse…
hahaha, boa, Clara, ótima essa! Realmente, pra acreditar no macpicanha é mais que crendice, é estultice mesmo. mcpicareta, isso sim
sergio geia disse…
Nossa, Clara, você arrasou. Muitas de suas citações também fizeram parte da minha vida. Lembro do chilete, da manga com leite. E da grávida, claro. Essa, os amigos de outras cidades não me deixam esquecer rsrs.
Albir disse…
Muito bom, Clara! Nessa de Bolsonaro piada, pouca gente escapou.

Postagens mais visitadas deste blog

DIAS MELHORES >> whisner fraga

O MENINO DA MEIA PRETA >> Sergio Geia

O PAVÃO AZUL >> Sergio Geia