terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

DESCULPEM, MAS VOU FALAR SOBRE O ÚLTIMO CAPÍTULO DA NOVELA >> Clara Braga

Acredito que as redes sociais tenham possibilitado que mais e mais pessoas possam se expressar. Tornou a questão da denúncia e do debate mais democrática, já que agora é mais fácil colocar a boca no mundo. Porém, devido a essa facilidade, muitas pessoas estão esquecendo de digerir as coisas, refletir sobre, pensar, para só então expressarem suas opiniões. Resultado disso tudo: muita besteira rolando pela internet!

Entendo a angústia das pessoas que gostariam que o mundo assistisse menos televisão e se informasse mais, fosse para as ruas lutar pelo seu país e todas essas coisas, mas acho que nós não podemos tirar o "mérito" que a televisão, por exemplo, tem. Sabemos que a globo em muito ajuda para alienar as pessoas. Mas se ela tem esse poder de alienação, ela também tem poder de ditar padrões, ou seja, uma vez que ela usa esse seu poder para o bem, todos nós podemos ser beneficiados.

Vocês já devem ter entendido aonde eu quero chegar com esse papo. Sim, no beijo gay do último capitulo daquela novela que tentou tratar de todos os assuntos polêmicos existentes na face da terra de uma só vez. Vi muitos comentários críticos a respeito dessa cena, como: enquanto as pessoas estão alienadas com o último capítulo da novela, muitas outras estão roubando dinheiro público. Ou então: um beijinho sem graça desse não adianta de nada, se a globo achou que ia fazer história com esse beijo, se enganou.

Bom, concordo que o beijo foi singelo, mas gente, vamos lá, estamos em pleno século XXI e nunca uma emissora de televisão tinha mostrado um beijo entre dois homens. Entre duas mulheres sim, mas entre dois homens não! Será mesmo que isso não significa nada? E digo mais, eu acho que as pessoas que são alienadas e preconceituosas, na pior das hipóteses, agora podem estar pensando: bom, se a globo diz que é normal e não tem problema, vai ver é normal mesmo. Será que passou pela cabeça das pessoas que esse singelo beijo pode ser o começo para que situações como homossexuais sendo espancados até a morte diminuam?

Se você assistiu e não se chocou, achou mais do que normal, parabéns! Isso é sinal de que você já está inserida no século XXI e entende que amor é amor, independente de quem se ama. Agora, com certeza, muitas pessoas ainda estão indignadas com a cena. Quem sabe esse não é o momento desse digimom refletir, debater sobre o assunto com os amigos e familiares e então, finalmente, evoluir?

Eu mesma critiquei a novela por ela tentar tratar de muitos assuntos e acabar não tratando de nada com seriedade, porém, fiquei sabendo do caso de uma mãe que assistia à novela com seu filho e ele perguntou se quando crescesse ia beijar outro homem ou uma mulher? E então a mãe disse: você vai beijar quem você amar, independente do sexo dessa pessoa! Palmas para essa mãe maravilhosa, que com uma atitude fez valer esse tão polemico beijo! Se essa criança crescer sem nenhum preconceito, entendendo que a única vontade das pessoas é ser feliz, esse beijinho de nada já cumpriu sua tarefa.

E quer saber, que venham mais novelas com pessoas com deficiência casando, gordinhas sendo felizes gordinhas, beijos gays, idosos mantendo relação sexual e tudo mais que foi tratado na novela, que de tanta coisa eu já nem me lembro mais! Antes uma novela que permite o questionamento e o debate, do que Ronaldos e Pelés fazendo comentários infelizes sobre a copa.


Partilhar

Nenhum comentário: